terça-feira, agosto 10, 2010

A(pesar) de você.

"Hearing echoes from your heart
Learning how to recompose the words."

Eu analisava os passos da moça. Sempre independente, sempre diferente, sempre mais (ou menos). Observei o moço que estava ao lado e vi o quanto os olhos dele brilharam, o quão desconcertado ele estava por seus braços estarem preenchidos com outro corpo, e ainda assim, seu coração pulsar assustadoramente. Ele precisava seguir aquele caminho. Aquele caminho lhe era melhor, mais bonito, mais cômodo. Sofrer por amor é coisa complicada. Dor de amor não segura muitos tic tacs antes de desabar lágrimas. E lágrimas... Lágrimas não. Não cabiam mais. Não no rosto dele, não nos sonhos dele. Esperaria ela passar, esperaria acalmar o descompasso dentro do peito, fingiria novamente estar tudo bem. Assim foi. Só eu soube naquele momento o que ele sentia, porque pude ler nos seus olhos algo que me dizia "a moça dos meus sonhos ainda é você".

Nenhum comentário: