sexta-feira, julho 27, 2012

You, you, you.


É você. De novo. Ainda. ‘Ainda tem muito tempo de música’. E o meu coração acelerando involuntariamente. Surge a vontade de te beijar, de navegar neste teu mar louco onde não posso controlar o meu barco e fico a deriva das tuas ondas. Mas me restrinjo a abrir a porta do seu carro e sair. Enquanto você me olha abrir as grades da casa, dou um tchauzinho tímido como quem diz ‘vá’, ao tempo em que pede ‘fica...’.

Nenhum comentário: